Pesquisar

CIC 100 anos – Sessão Solene

O centenário do Colégio Imaculada Conceição (CIC), foi homenageado pela Câmara Municipal de Leopoldina na noite da última sexta-feira (23), durante Sessão Solene realizada no Salão Nobre daquela Casa Legislativa. Aprovada por unanimidade pelo plenário da Câmara, a solenidade reuniu representantes da diretoria daquela instituição de ensino, professores e ex-professores, funcionários, ex-alunos e representantes de vários segmentos do município.

CIC 100 anos - Sessão Solene

A mesa diretora da sessão solene foi composta pelo Presidente da Câmara, vereador Pastor Darci Portela, Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico – Valter Matos, representando o prefeito José Roberto de Oliveira, vereador José Augusto Cabral – autor do Requerimento para realização daquela Sessão Solene de homenagem ao Colégio Imaculada Conceição, Bené Guedes – ex-prefeito e ex-deputado estadual, vereador Waldair Costa – Primeiro Secretário da Câmara, ex-vereador e ex-aluno do CIC – Rodrigo Pimentel, Irmã Gislene Paulina Pinto – Superiora da Comunidade Rio-Minas, Conceição Aparecida Zambrano Brito de Oliveira – Diretora do CIC, Érika Soares Furtado Couto – Vice-Diretora do Colégio, Olinda Maria Cabral Gesualdo – Coordenadora Pedagógica do CIC e Representante Legal da Rede Filhas de Jesus e a Irmã Catarina Zimmerman.

Após a abertura da solenidade pelo vereador Darci Portela, presidente da Câmara Municipal, foi apresentado um breve histórico do CIC desde sua fundação em Leopoldina. Convidado ao microfone, o vereador José Augusto Cabral, ex-aluno do Colégio Imaculada Conceição, parabenizou a todos os colaboradores do CIC, reverenciando também aqueles que no Colégio dedicaram suas vidas ao longo deste século no mister de educar e formar cidadãos.

Durante seu pronunciamento, José Augusto prestou uma homenagem especial em forma de agradecimento ao seu professor de História, Carlos Heleno Torres de Almeida, pela decisiva contribuição na formação da minha consciência cidadã e política, justificou o vereador, destacando a importância do Colégio Imaculada Conceição no contexto do nosso município e na vida de milhares de pessoas que desde sua fundação, em 1918, passaram pelas salas de aula daquela instituição, preparando-se para a vida familiar e profissional. Poucas são as instituições que conseguem alcançar a marca de cem anos, seja em Leopoldina ou em qualquer lugar. E o Colégio Imaculada Conceição o faz, gerando empregos, compartilhando o saber, aperfeiçoando sua estrutura física e humana, para oferecer, cada dia mais e melhor, um ensino de qualidade. O Colégio Imaculada Conceição é uma referência local e regional em Educação, afirmou José Augusto Cabral.

Convidado pela presidência da Sessão Solene, o vereador José Augusto entregou uma Placa de Honra ao Mérito à diretora do Colégio Imaculada Conceição, Senhora Conceição Zambrano, que foi convidada a discursar. Conceição agradeceu a homenagem concedida pela Câmara Municipal, relembrando a missão do CIC na área educacional, legando à sociedade pessoas íntegras, éticas e comprometidas com a história de seu tempo. Madre Cândida Maria de Jesus, hoje Santa Cândida, fundadora da Congregação das Filhas de Jesus, foi reverenciada pela diretora do Colégio.

Conceição ressaltou a trajetória de fé iniciada por Madre Cândida na cidade de Salamanca, Espanha, na certeza de que a compaixão e a educação cristã são capazes de transformar o mundo. As irmãs Filhas de Jesus e os leigos continuam essa trajetória em escolas, obras sociais, pastorais, em 19 países e 4 continentes, sempre em colaboração com outras instituições, a serviço da educação, da vida e da esperança, afirmou Conceição, acrescentando que celebrar o centenário é celebrar a vida de cada aluno, de cada família, de cada educador, de todos aqueles que passaram pela nossa escola, que não consideramos ex-alunos, porque eles se mantêm vivos, firmes e perseverantes dentro do nosso coração e das nossas orações.

Também discursaram o Secretário Municipal Valter Matos, o ex-prefeito Bené Guedes, o vereador Waldair Costa, Olinda Maria Cabral Gesualdo – Representante da Rede Filha de Jesus, o ex-vereador Rodrigo Pimentel – ex-aluno do Colégio e Carlos Heleno Torres de Almeida, ex-professor do CIC.

Dentre os presentes à cerimônia estavam o diretor da Escola Estadual Professor Botelho Reis (Ginásio), Fernando Miranda Vargas e esposa, o professor e membro da Academia Leopoldinense de Letras e Artes (ALLA), Luiz de Melo Sobrinho e esposa, a professora Vânia Junqueira Reis Pimentel – primeira diretora leiga (2006) do CIC, Elza Gama Peres – Presidente da Associação das Pioneiras de Leopoldina (APIL), o Chefe da 7ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal em Leopoldina – Inspetor Américo Cabral, Vera Pires, Provedora da Casa de Caridade Leopoldinense, professores, professoras e demais colaboradores do Colégio Imaculada Conceição, acompanhados de seus familiares.

(Fonte: Jornal O Vigilante)